Retrospectiva 2012

- Kaippe Arnon Silva Reis - - 14 de Maio de 2014 | - 6:01 - - Home » 5ª Edição» Mais Glória - - Sem Comentários

etro

“Nossos passos pelo chão vão ficar”. Como retratado na música do grupo musical “Nenhum de Nós”, a gente caminha e deixa marcas de trajetória tornando cada ano diferente do outro. Todo ano tem seus importantes de­talhes que o tornam relevante para a história. 2012, ano bissexto durante o qual, se­gundo a profecia dum povo precolom­biano, o mundo acabará no dia 21 de dezembro. O ano foi palco de um dos maiores es­petáculos jurídico-políticos da nossa história: o julgamento do Mensalão. As decisões do STF mostraram que o Brasil não é o “país da impunidade”, como se costuma afirmar. Muito ao contrário, os ministros não deram tré­gua e o José Dirceu foi condenado a dez anos e oito meses de prisão, além de oito anos de inelegibilidade. O ano também foi de eleições em al­gumas partes do mundo.

No Brasil, a cúpula municipal foi esco­lhida e o PSD, formado em 2011 sob a presidência de Gilberto Kassab, se tor­nou a quarta força política do Brasil na conjuntura regional. Na capital do sertão sergipano, houve uma disputa acirrada com uma dife­rença de somente 1,64% de votos ele­gendo Chico do Correio. O ano que se finda será lembrado pelos estudantes da maior parte das universidades e dos institutos fede­rais. Uma das mais duradouras greves da história foi praticamente ignorada pelo MEC e pela presidente Dilma que se recusavam em negociar e, após três meses, finalmente, selou-se acordo com um sindicato que não abrangia a maior parte das instituições. No meio do ano, a olimpíada e a pa­raolimpíada, que antecedem os jogos olímpicos e paraolímpicos do Rio, fo­ram realizadas na cidade de Londres. Os atletas olímpicos trouxeram uma grande quantidade de medalhas de bronze. Já os para-atletas não fizeram feio e honraram o País com 43 meda­lhas e em 7º no quadro de medalhas. E o Corinthians vai a Yokohama no Japão e no inesquecível 16.12.12, sobre o Chelsea, cumpre sua missão e pelo placar de 1 x 0, através de Guer­rero, leva para o Parque São Jorge o bicampeonato mundial.

O Céu, para os que nele acredi­tam, ficou ainda mais especial com presenças como a da rainha da TV brasileira, Hebe; do humorista que en­carnava inúmeros personagens, Chico Anysio; do cantor brega, Wando; do diretor Marcos Paulo; e da cantora do sucesso “I’ll Always Love You”, Whit­ney Houston. O arquiteto que proje­tou Brasília e registrava em seu currí­culo inúmeras edificações no Brasil e no mundo, desencarnou após mais de um século de vida. Além de celebrida­des que aparecem na mídia constante­mente, o segundo prefeito na história de Glória, Gerino Tavares, veio a fale­cer no começo do ano. Um surto de suicídios assolou a comunidade local e nomes queridos na cidade resolveram abreviar o período terreno. O final do ano foi marcado por mais um apagão em toda a região Nordeste e em outros estados por uma ou outra falha na rede de distribuição de ener­gia no mês de novembro.

etro2Neste ano, vários filhos de Glória bri­lharam em diversos cantos do País e do mundo. O artesão Véio representa a arte brasileira numa exposição em Paris; a empresária Jânea Mota Dan­tas lança um livro em comemoração ao seu meio século de vida; o aluno Samuel, do Colégio Manoel Messias, figura entre os melhores na Olimpíada de Língua Portuguesa, levando prata na categoria Arquivo de Opinião; os poetas imortais da Academia Glorien­se de Letras: Ramon Diego e Euvaldo Lima, num concurso nacional, classi­ficam várias poesias e participam da Antologia Veloso 2012 no Tocantins. Em outubro a imprensa local mostra, direto de Nossa Senhora do Socorro (SE), um pódio com quatro jovens ju­docas gloriense: Matheus Gizreel (Bronze), Júnior Ferreira e Cris­tiano Bitencurt (Prata) e Verô­nica de Freitas (Ouro). Em no­vembro a nos­sa para-atleta Mayara, vai com sua treinadora Lizze Fernanda a São Paulo e traz o Ouro no arremesso e se classifica para as paraolimpíadas 2013. E para fe­charmos o ano em alta, na cidade de Canindé do São Francisco, no último sábado, mais um pódio com as nos­sas cores, (Luis Felippe Nogueira – 2º lugar), (Madalena – 1º lugar) e o treina­dor (Carlos da Silva) mostra que per­manece em forma e como presente natalino nos presenteia com o ouro.

O concurso Garota Mais Glória fez su­cesso na cidade levando o site Mais Glória a picos de audiência nunca an­tes registrados. Letycia Ribeiro ganha nas categorias Simpatia e Elegância, embora a mais votada no site tivesse sido Jussanne. 2012 também foi o ano de nascimento de uma empresa, dentre tantas ou­tras, no município de Nossa Senhora da Glória: a Enium Interativa. Ela leva o nome de uma flor comum em deser­tos e regiões áridas que se adapta aos mais diversos climas e solos. A empre­sa chegou com seus principais produ­tos, Portal e Revista Mais Glória, com a proposta de oferecer ao público diver­sidade de fontes de informação para uma das cidades que mais crescem no Estado, Nossa Senhora da Glória. Ainda neste ano foi instalada a pri­meira Academia de Letras no interior sergipano, constituída pelos membros fundadores: a jornalista e colunista Gileide Barbosa, o músico e poeta An­celmo Aragão, o colunista e poeta Ra­mon Diego, o professor e poeta Jorge Henrique, o geógrafo e poeta Edson Bastos, o idealizador e editor-chefe da Revista e Portal Mais Glória, o poeta Euvaldo Lima, advogado e jornalista Prof. Vasko, e a poetisa Maria Verô­nica, todos colaboradores da Revista Mais Glória.

etro3

Dentre os acontecimentos de relevân­cia histórica, o ano marcou a vida de todos, seja por um fim ou começo de namoro, pela maior idade, pelo pri­meiro emprego, ou pela morte de um ente querido. Anos se vão e deles só levamos as lembranças do que acon­teceu ou do que deveria ter aconteci­do. Para terminar com um clichê, de­sejo que 2013 seja um ótimo ano para todos nós.

Kaippe Arnon Silva Reis

Por: Kaippe Arnon Silva Reis

Comunicador formado pela Universidade Federal de Sergipe e artista nas horas vagas.

Enium Interativa Criação de sites

Deixe seu comentário!

Para: Retrospectiva 2012