ACADEMIA GLORIENSE DE LETRAS, 4 anos fomentando as letras e a cultura

- Luiz Davi Santos - - 6 de Maio de 2017 | - 4:39 - - Home » 28ª Edição» Mais Glória - - Sem Comentários

A Academia Gloriense de Letras (AGL) há 4 anos desenvolve um trabalho incansável de promoção da leitura e escrita, bem como, da cultura
em Nossa Senhora da Glória e Sergipe. No dia 10 de dezembro de 2016, na solenidade de aniversário, foi dada a posse à nova Diretoria Executiva, presidida pelo acadêmico LUCAS LAMONIER SILVA SANTOS, que, em seu discurso de posse, externou a gratidão pela missão a ele confada e apresentou a todos a equipe que conduzirá a AGL no próximo biênio:
“Sinto-me honrado em ter sido escolhido para presidir a Casa de Pe. Leon Gregório, a casa da preservação e do fortalecimento da cultura e das letras do povo gloriense. (…) Acredito que a missão de uma academia de letras é promover e guardar o legado intelectual de um povo, desenvolvendo ações que despertem e estimulem novos atores e promotores culturais, e não apenas se fechar em salas com discussões ensimesmadas e improdutivas. Encontrei na AGL um espaço de ação coletiva e colaborativa. Uma instituição com princípios e fnalidades
sólidas e construtivas, que busca engrandecer as potencialidades individuais e coletivas de seus membros, bem como de todos aqueles que colaboram com seu projeto de desenvolvimento sociocultural. Aqui me sinto vivo e ativo.

Estimado Professor Jorge Henrique Vieira Santos, meu eterno mestre, nosso presidente fundador, ao qual saúdo e em nome de quem dirijo-me também aos demais membros da Diretoria que na ocasião sucedemos, asseguro minha determinação em prosseguir na consecução dos princípios e propósitos da AGL, pensados e mantidos até hoje por vocês. Para auxiliar-me nessa missão, que para alguns pode parecer colossal e árdua, mas que para nós é prazerosa e enriquecedora, foram convidados os entusiastas e jovens acadêmicos, que ocuparão os cargos na nova diretoria, de acordo com as habilidades e talentos de cada um.

Eis o corpo acadêmico: Nossa confreira, CACIA VALERIA DE REZENDE, Vice-Presidente, será o braço direito da academia. KELBER RODRIGUES DE SOUZA, Secretário Geral, o nosso braço esquerdo. JOELINO DE OLIVEIRA DANTAS, Secretário Adjunto, os dedos dinâmicos e agitados na incansável missão de propagar livros. Nosso Diretor Financeiro, ANDRÉ LUIS SANTOS Diretor Financeiro adjunto, ROSSEMÁGNE ALVES DOS SANTOS serão nossos pulmões. JORGE HENRIQUE VIEIRA SANTOS, o nosso Diretor de Comunicação e Intercâmbio será nossos ouvidos e boca e CARLOS ALEXANDRE NASCIMENTO ARAGÃO, como Diretor de Projetos e Eventos, nossas pernas. Ao conselho fscal, formado pelos
confrades DOMINGOS PASCOAL DE MELO, JOSÉ ARAÚJO FILHO e LEUNIRA BATISTA, cabe a posição dos olhos, sempre atentos e zelosos. O nosso coração, fcará a cargo dos membros fundadores, que passam a ocupar as cadeiras do Conselho Consultivo. (…) E como nos ensina Camões ‘as coisas árduas e lustrosas se conseguem com trabalho e com fadiga’. Por isso, vamos trabalhar, vamos nos cansar, vamos construir pontes e derrubar barreiras, pois nada é intransponível para quem tem fé e disposição.

É fato que a missão de cada nova Diretoria imprime continuidade e acrescentamento, e assim seguirá sendo. Continuaremos féis às cláusulas pétreas do Estatuto e aos princípios que fundamentam a atuação da AGL. A Diretoria que ora toma posse dará seguimento ao trabalho desenvolvido pela antecessora no processo de contínua construção.
Para tanto, aberta ao diálogo, espera contar com a colaboração e a participação de todos os seus integrantes, para além de eventuais desencontros e divergências. Não nos esqueçamos de que Academia são os acadêmicos e as acadêmicas. E, sobretudo, ela nos ultrapassa. Finalizando, posso assegurar-lhes, que procuraremos agir com sabedoria, decidir com justiça, atuar corajosamente, cultivar a temperança e estreitar laços com aqueles que acreditam no mesmo projeto de construção do saber que a Academia Gloriense de Letras, desde a sua funda- ção, rege e executa canonicamente. VIDA LONGA À AGL!” (Discurso de Posse como 2º Presidente da AGL, Lucas Lamonier, 10/12/2016).

Na ocasião, foi lançada a Revista AGL que apresenta uma retrospectiva das ações desenvolvidas pela entidade entre 2012 e 2016, seu atual quadro acadêmico e patronos.
A pioneira das academias de letras do interior do Estado de Sergipe já iniciou os trabalhos de 2017. No dia 09 de janeiro, organizou o lançamento do livro “Fragmentos de um Coração Adolescente” do jovem escritor Lucas de Jesus Silva, uma noite memorável que marcou a importância da AGL no desenvolvimento literário da Capital do Sertão.

A AGL está preparando sua programação para este ano. Durante o ano de 2017 serão desenvolvidas diversas ações, algumas já defnidas e com data prevista para acontecer:
• 09/03 – Lançamento da antologia “O Florescer das Letras no Jardim
do Sertão”, que reúne textos dos alunos da Escola Municipal Antônio
Francisco dos Santos do Bairro Jardim Sertão (COHAB).
• 25/03 – Ofcina de criação literária com o Prof. Dr. Alberto Roiphe
(UFS);
• III Seminário das Academias Literárias de Sergipe – III SALS com palestras sobre a Literatura Sergipana;
• Encontro Gloriense de Escritores e Leitores 2017 – EGEL2017 – de 19
a 21 de outubro.
É no caminho do desenvolvimento cultural que a AGL dá os seus passos.

Luiz Davi Santos

Por: Luiz Davi Santos

Sou estudante do Ensino Fundamental no Colégio Santa Sara, vendedor na Revista e no Site Revista Mais Glória, Fotografo, email: davi@revistamaisgloria.com celular: (79) 99901-5761

Enium Interativa Criação de sites

Deixe seu comentário!

Para: ACADEMIA GLORIENSE DE LETRAS, 4 anos fomentando as letras e a cultura